Search
Camaquã
14°C
Camaquã
14°C
Segurança

Rio Grande do Sul registra o menor número de assassinatos dos últimos sete anos

Houve queda nos homicídios, latrocínios e feminicídios
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Segundo os dados da Secretaria da Segurança Pública (SSP), esta é a primeira vez desde o início de uma série histórica que o Estado encerra o ano com menos de 2 mil vítimas dos chamados crimes violentos letais intencionais — foram 1.981. Nos feminicídios, a redução foi de 21,6% em comparação a 2022. Foram 87 casos de mortes de mulheres em contexto de gênero, enquanto no ano anterior foram 111.

Receba todas as notícias da Acústica no seu WhatsApp clicando aqui!

Já os latrocínios, o qual são os roubos com morte, tiveram redução de 24,5% no último ano. Em 2023, foi registrado o menor número de latrocínios no Estado desde 2010, com 40 casos. Quando isolado somente o mês de dezembro, a queda foi de 80% — de cinco em 2022 para um caso de latrocínio no Estado em dezembro de 2023.

 

O roubo a veículos também atingiu o menor número da série histórica, e teve queda de 18,3% na comparação com o ano de 2022. Os roubos a pedestres tiveram queda de 14,4. A Secretaria da Segurança atribuiu os resultados positivos à integração das policias e da área como um todo.

 

Há uma pressão de várias categorias para o aumento salarial. No entanto, o governador condiciona elevação dos vencimentos após ganho de arrecadação com os efeitos dos decretos publicados .

Em entrevista coletiva, o secretário do sistema penal e socioeducativo, Luiz Henrique Viana, afirma que o cronograma para instalação de bloqueadores de celulares deve ocorrer em janeiro conforme havia antecipado a acústica FM em reportagem ainda em dezembro.  vamos ouvir

Tags: riograndedosul, SEGURANÇA