20/04/2021 16h10 - Atualizado em 20/04/2021 16h10

Em últimos anos de sua vida, Avicii ingeria 20 comprimidos por dia

Artista, que morreu aos 28 anos, sentia muitas dores e sofria de ansiedade
Por: Lennon Haas / Acústica FM - Foto: Reprodução / Instagram
Em últimos anos de sua vida, Avicii ingeria 20 comprimidos por dia

Novas revelações sobre Avicii, famoso DJ sueco que suicidou-se em 2018, aos 28 anos de idade, causaram espanto e mais tristeza nos fãs. Conforme o jornal britânico Mirror, o artista passou os últimos anos de sua vida sentindo muitas dores físicas e psicológicas, ingerindo cerca de 20 comprimidos por dia.

Após conquistar fama muito jovem, o artista acabou sofrendo forte ansiedade e passou a abusar do álcool. Após realizar 813 shows em oitos anos, o astro da música eletrônica desabafou com a sua equipe:

“Eu já disse, tipo, eu vou morrer. Já disse isso muitas vezes. E então eu não quero ouvir que devo pensar em fazer outro show”.

Além da ansiedade, Avicii foi diagnosticado com pancreatite, o que o fez começar a ingerir 20 comprimidos diariamente.

"Eu estava com muitas dores, mas tudo que recebi foi um remédio e disseram 'tome isso e você vai se sentir melhor'. Era como a heroína, mas também não estava ajudando na dor, mas presumi que os médicos sabiam o que estavam fazendo. Ter pancreatite não era o problema, era a dor que fica com você depois. No começo foi um mês e depois quatro meses. Eu estava tomando 20 comprimidos por dia, mas eles sempre me diziam que não era viciante. Eu ainda estava ansioso e então comecei a fazer turnê novamente", disse o artista em documentário na época.

Diante das dores e da situação angustiante, Avicii decidiu se aposentar. Um tempo depois, quando todos acreditavam que o artista estava se sentindo melhor, o mundo foi surpreendido com a notícia de sua trágica morte.

Deixar um comentário