03/04/2021 15h57 - Atualizado em 03/04/2021 16h06

Cantor Agnaldo Timóteo morre aos 84 anos

Músico não resistiu após ter complicações causadas pela covid-19
Por: Gil Martins/Acústica FM - Foto: Divulgação
Cantor Agnaldo Timóteo morre aos 84 anos

O cantor, compositor, escritor e político brasileiro, Agnaldo Timóteo, não resistiu às complicações decorrentes da Covid-19 e morreu neste sábado (03) no Rio de Janeiro. O músico estava com 84 anos de idade e ainda era requisitado em shows pelo Brasil.

> Receba todas as notícias da Acústica no seu WhatsApp tocando aqui

Ele foi internado no último dia 17 de março, após apresentar complicações no seu estado de saúde, ocasionadas pelo coronavírus. No dia 27 de março, Agnaldo precisou ser intubado. Ele vinha recebendo os cuidados necessários na UTI do Hospital Casa São Bernardo, na Zona Oeste do Rio.

O artista iniciou sua carreira como intérprete de versões de sucessos internacionais. Teve grande popularidade nas décadas de 1960-1970, foi recordista de vendas de discos e foi agraciado com vários prêmios ao longo de sua carreira.

Com mais de 55 anos de carreira, antes da pandemia o cantor continuava a se apresentar pelo Brasil e conseguia mobilizar grande público, principalmente nas cidades do interior, tendo ainda reconhecimento internacional em Moçambique. Também manteve-se ativo devido as suas participações em programas de televisão e entrevistas.

A família divulgou uma nota oficial, comunicando a morte do músico:

"É com imenso pesar que comunicamos o FALECIMENTO do nosso querido e amado Agnaldo Timóteo. Agnaldo Timóteo não resistiu as complicações decorrentes do COVID-19 e faleceu hoje às 10:45 horas. Temos a convicção que Timóteo deu o seu Melhor para vencer essa batalha e a venceu! Agnaldo Timóteo viverá eternamente em nossos corações! A família agradece todo o apoio e profissionalismo da Rede Hospital Casa São Bernardo nessa batalha"

Deixar um comentário