15/03/2021 11h22 - Atualizado em 15/03/2021 11h28

Libertadores: saiba horário e onde assistir a Ayacucho e Grêmio

A partida é válida pela volta da segunda fase preliminar da competição
Por: Camila Mattos/Acústica FM - Foto: Divulgação Grêmio
Libertadores: saiba horário e onde assistir a Ayacucho e Grêmio

O Grêmio volta a enfrentar o Ayacucho-PER nesta terça-feira (16), às 21h30min, em Quito, em partida válida pela volta da segunda fase preliminar da Libertadores. No jogo de ida, o tricolor venceu por 6 a 1.

Quem acompanha o grêmio, encontrará um time de “cara nova”. Com 12 jogadores titulares de férias até o dia 22 de março, o tricolor viajou a Quito com um grupo composto por garotos, mas com alguns reforços mais experientes, casos de Cortez, Darlan, Thaciano e Ferreira. O técnico Renato Portaluppi também não viajou para o Equador, e a equipe responderá aos comandado do auxiliar técnico Alexandre Mendes.

A partida também traz a oportunidade, de selar uma confiança entre o goleiro Brenno, no momento, o novo titular da camisa 1 gremista, e a torcida. Com a má fase dos goleiros Paulo Victor e Vanderlei o novo defensor da base precisa mostrar trabalho para dar sequência como titular da posição.

 Já o adversário, mesmo que tenha sofrido uma dura derrota na primeira partida, visa conseguir melhor resultado no jogo de amanhã. Sem desfalques, o time deve ser o mesmo do último confronto. Sem poder jogar em Cusco e no seu estádio em virtude da pandemia e também da proibição da entrada de brasileiros no país, o Ayacucho irá mandar o jogo de volta da fase preliminar da Libertadores em Quito, no Equador.

Horário

Terça-feira (16), às 21h30min, no Estádio Olímpico Atahulpa, em Quito, no Equador.

Transmissão

Conmebol TV e SBT transmitem a partida

Prováveis escalações

Ayacucho

Cavallotti; Aldair Salazar, Carlos Beltrán, Minzum Quina e Jesús Mendieta; Guillermo Firpo, Paucar e Leandro Sosa; Robert Ardilles, Posito e Othiel Arce.

Técnico: Walter Fiori.

Grêmio

Brenno; Vanderson, Rodrigues, Ruan e Cortez; Darlan, Thaciano, Gui Azevedo, Léo Chú (Pedro Lucas) e Ferreira; Ricardinho.

Técnico: Renato Portaluppi.

Arbitragem

Esteban Ostojich, auxiliado por Martin Sopp e Horacio Ferrero (trio uruguaio).

Deixar um comentário