26/01/2021 16h30 - Atualizado em 26/01/2021 16h30

Valve quer ligar cérebros de jogadores aos videogames

“O mundo real vai parecer raso, sem cor, borrado em comparação com estas experiências", diz criador da empresa
Por: Lennon Haas / Acústica FM - Foto: Gerd Altmann / Pixabay
Valve quer ligar cérebros de jogadores aos videogames

Criador da Valve, Gabe Newell tem um plano no mínimo ousado para aumentar a imersão dos jogadores nos games e revolucionar o mercado. Ele deseja “ligar” o cérebro do player nos videogames e plataformas.

Através desta ligação, o cérebro do jogador enviará estímulos para a interface. Porém, a tecnologia será uma ligação de “mão dupla”, ou seja, a máquina também poderá enviar estímulos ao cérebro do jogador.

A revelação foi feita por Newell ao site 1 News. Conforme ele, a empresa já trabalha junto a OpenBCI desenvolvendo um software para ajudar desenvolvedores a trabalharem com a tecnologia, conhecida como BCI.

Newell disse que, por exemplo, a tecnologia poderá acionar partes do cérebro do usuário para aumentar emoções e sentimentos em relação ao jogo, ou até auxiliar no sono do usuário, fazendo-o dormir por um tempo definido por ele.

“O mundo real vai parecer raso, sem cor, borrado em comparação com experiências que poderemos criar nos cérebros das pessoas”, afirmou.

Deixar um comentário