12/01/2021 18h05 - Atualizado em 13/01/2021 14h29

Ciclista paranaense passa por Camaquã em campanha para doação de medula

Marcelo Vieira percorre mais de 1,2 mil quilômetros conscientizando sobre importância de novos doadores
Por: Gil Martins/Acústica FM - Imagens: Gil Martins/Acústica FM
Ciclista paranaense passa por Camaquã em campanha para doação de medula

O ciclista curitibano Marcelo Vieira, de 49 anos, passou por Camaquã durante o seu trajeto, que tem como destino o Chuí. Nesta terça-feira (12), ele chegou ao município camaquense, onde realiza pausa em sua jornada.

- TOQUE AQUI E RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP GRATUITAMENTE

Vieira, está percorrendo um trajeto de 1.250 quilômetros, onde divulga a campanha "Pedalando Para Vida”. O objetivo é chamar a atenção das pessoas para a necessidade de novos doadores de medula óssea.

O policial militar, foi recepcionado por um grupo de ciclistas, quando ainda transitava pela BR-116. Após ser recepcionado na cidade, ele foi recebido no quartel do Corpo de Bombeiros, onde pernoitou, antes de seguir viagem.

Segundo Vieira, com a pandemia da Covid-19, as doações diminuíram 40%, e no Brasil existem 900 doentes na fila aguardando por um transplante. O cadastro de voluntários no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome) é realizado nos hemocentros de todo o país.

Confira o cronograma da viagem:

Expedição Pedalando para Vida - 2021

Saída no Hemepar, no Alto da XV.

Horário: 06:00 horas da manhã.

Dia 06/01: Barra Velha - SC

Dia 07/01: Florianópolis

Dia 08/01: Tubarão - SC

Dia 09/01: Torres - RS

Dia 10/01: Porto Alegre

Dia 12/01: Camaquã - RS

Dia 13/01: Pelotas - RS

Dia 14/01: Curral Alto - RS

Dia 15/01: Chuí - Fronteira com o Uruguay

A reportagem da Rádio Acústica FM, acompanhou a chegada de Marcelo em Camaquã. Clique aqui e assista a entrevista em vídeo.

Deixar um comentário