08/01/2021 08h27 - Atualizado em 08/01/2021 08h27

Abel supera marca de Coudet e Inter é vice-líder do Brasileirão

Colorado venceu o Ceará por 2 a 0 no Castelão
Por: Lennon Haas / Acústica FM e Sport Club Internacional - Fotos: Ricardo Duarte / SCI
Abel supera marca de Coudet e Inter é vice-líder do Brasileirão

O Internacional superou o Ceará, na noite desta quinta-feira (07/01), por 2 a 0. Caio Vidal e Yuri Alberto marcaram os gols da vitória colorada no Castelão, resultado que alçou o Inter à segunda colocação do Brasileirão, com 50 pontos. Os comandados de Abel Braga voltam a campo no próximo domingo (10/01), às 18h15, quando recebem o Goiás, no Beira-Rio.

Os cinco minutos de abertura da partida ofereceram uma propaganda enganosa do que seria a etapa inicial. Primeiro, quem levou grande perigo foi o time da casa, que só não abriu o marcador graças a Cuesta, preciso para cortar arremate sobre a linha fatal. Depois, Praxedes respondeu servindo Patrick. Já na área rival, o Pantera só não finalizou pois Richard, atento, operou segura e providencial saída da meta.

Superado o intenso início de partida, o Inter somou breve período de maior posse de bola. A partir dos 15, porém, o Ceará cresceu no duelo e somou escapes perigosos. Com dificuldades para trocar passes, o Clube do Povo pouco retinha a esférica, e tinha suas raras tramas obstruídas por faltas do time local. Apesar das oportunidades criadas, o Alvinegro não conseguiu vazar a meta vermelha, e o intervalo chegou com igualdade sem gols indicada no escore.

Competência no segundo tempo

O Inter voltou com outra postura para a etapa final. Logo aos dois, Yuri Alberto colocou Richard para trabalhar, dando o tom da ânsia colorada pelos três pontos. Aos sete, o desejo passou a virar realidade: Edenilson disparou pelo centro e serviu Caio, que infiltrou nas costas da marcação e, cara a cara com o arqueiro, finalizou de canhota para marcar o seu primeiro gol com a camisa vermelha. Placar aberto!

A vantagem colorada encontrou, do lado cearense, resposta ofensiva. Abrindo mão de um primeiro volante de origem, Guto Ferreira ofereceu espaços que Abel Braga decidiu explorar deslocando Yuri para o corredor direito e posicionando seu xará uruguaio no comando de ataque. Aos 31, o técnico vermelho foi recompensado.

Após bola alçada por Rodrigo Moledo, Abel Hernández desviou e Yuri, fazendo o facão, disparou. Em velocidade, o camisa 11 antecipou a zaga, saiu de frente com Richard e, tranquilo como sempre, cavou. Inter 2 a 0, três pontos garantidos e quarta vitória consecutiva, no Brasileirão, encaminhada.

Contabilizando a vitória sobre o Boca Juniors, na Copa Libertadores da América, o técnico Abel Braga conquista cinco vitórias consecutivas e supera marca de Eduardo Coudet, que havia conquistado quatro vitórias consecutivas.

Deixar um comentário