01/12/2020 16h31 - Atualizado em 01/12/2020 16h31

Autor confesso da morte da menina Naiara será julgado nesta quarta-feira

Homem será julgado estupro, homicídio e ocultação de cadáver
Por: Ministério Público - Foto: Reprodução
Autor confesso da morte da menina Naiara será julgado nesta quarta-feira

O julgamento de Juliano Vieira Pimentel de Souza, réu confesso do estupro e da morte da menina Naiara Soares Gomes, está marcado para quarta-feira, 2 de dezembro, às 9 horas, em Caxias do Sul. O caso ocorreu em março de 2018 e tramita em segredo de Justiça por se tratar de criança vítima de crime sexual.

- RECEBA OUTRAS INFORMAÇÕES NO SEU WHATSAPP CLICANDO AQUI

Conforme determinação da Justiça, o júri ocorrerá a portas fechadas para público e imprensa. Apenas o magistrado, o réu e seus defensores, representante do Ministério Público e da Assistência de Acusação e os jurados poderão ter acesso ao local. O promotor de Justiça João Francisco Ckless Filho atuará em plenário representando a acusação.

Souza será julgado pelos crimes de estupro de vulnerável, homicídio triplamente qualificado (por asfixia; uso de recurso que dificultou a defesa da vítima e para assegurar a impunidade de outro crime) e ocultação de cadáver. Ele está isolado em uma cela da Penitenciária de Canoas (Pecan) 2, desde o dia 21 de março de 2018.

Deixar um comentário