05/11/2020 09h57 - Atualizado em 05/11/2020 10h03

DNIT lança material sobre a flora nativa do Rio Grande do Sul

Produção audiovisual traz imagens aéreas explorando belezas do Pampa gaúcho
Por: DNIT - Gustavo Arruda
DNIT lança material sobre a flora nativa do Rio Grande do Sul

Entre campos nativos, áreas úmidas e vegetações costeiras está sendo implantada a duplicação da BR-116/392 (Contorno de Pelotas), rodovias que interligam as cidades de Pelotas e Rio Grande, no extremo sul do Rio Grande do Sul (RS). O empreendimento, de responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), é licenciado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e conta com uma equipe de Gestão Ambiental para evitar, mitigar e compensar impactos da obra. A partir das experiências desse grupo, a autarquia produziu a websérie “flor.estar” que será lançado no último dia 30.

A produção audiovisual traz imagens aéreas, capturadas com o auxílio de drone, dos ambientes que permeiam estes trechos, explorando as belezas naturais das paisagens florestais e da diversidade ecológica do Pampa gaúcho. O material foi dividido em três episódios, sendo o primeiro sobre banhados e marismas; o segundo sobre paleodunas, dunas costeiras e matas de restinga; e o terceiro sobre matas paludosas. O objetivo é disseminar informações técnicas sobre a biodiversidade local a partir do valor visual atrelado à releitura dos dados de forma didática, de fácil compreensão e enriquecedora.

Esta não é a primeira websérie criada pela Gestão Ambiental da BR-116/392. Com a deflagração da pandemia causada pelo novo coronavírus, a equipe viu a necessidade de reinventar as formas de comunicação com os públicos impactados indiretamente pelo empreendimento. Em junho surgiu a “bio.diversidade”, abordando tópicos sobre conceito, níveis e legado. Já a “flor.estar” veio da carência por produções sobre a flora da região que abordassem o assunto com uma linguagem mais coloquial e dando enfoque ao conhecimento com intuito de preservação.

Assiata o trailer da websérie:

 Os materiais podem ser acessados pelo Facebook fb.com/BR116.392.

Deixar um comentário