16/10/2020 15h20 - Atualizado em 16/10/2020 16h35

Terrorismo: Polícia abre fogo contra homem após decapitar professor perto de Paris

Investigação foi assumida pelo Ministério Público Antiterrorista
Por: Iury Rodrigues/Acústica FM - Foto: Reprodução
Terrorismo: Polícia abre fogo contra homem após decapitar professor perto de Paris

Um professor de francês foi decapitado na tarde desta sexta-feira em Paris. O caso está sendo tratado como terrorismo e o suposto agressor foi gravemente ferido pela polícia. Segundo informações repassadas à Agence France-Presse (AFP) a procuradoria nacional antiterrorista já está investigando o caso.

Um alerta sobre um aparecimento de um cadáver decapitado foi recebido pela polícia local por voltas das 17horas locais (próximo do meio dia aqui no Brasil). Segundo informações ainda não oficiais, o professor causou uma revolta na cidade de Conflans Saint-Honorine, que é habitada por muitos muçulmanos, após mostrar caricaturas de Maomé e por isso o caso é tratado como terrorismo pelas autoridades.

Segundo fontes ligadas ao canal de televisão francês BFMTV, o ataque ocorreu bem próximo da escola Éragny-sur-Oise, que fica à 30 quilometros de Paris onde o suspeito ameaçou com uma faca as forças de segurança que abriram fogo contra o indivíduo.

Um vídeo divulgado nas redes sociais mostra a movimentação no local do atentado:

 

Deixar um comentário