07/10/2020 09h35 - Atualizado em 07/10/2020 09h38

Operação prende três suspeitos de extorquir candidato a Prefeito

Um dos presos aparecia nas redes sociais se vangloriando das agressões
Por: Polícia Civil - Foto: Divulgação
Operação prende três suspeitos de extorquir candidato a Prefeito

Nesta manhã de quarta-feira (07), a Polícia Civil deflagrou a Operação Cérbero, prendendo três homens suspeitos de extorquir, mediante o emprego de violência e grave ameaça. Os atos foram cometidos contra um candidato a Prefeito do município de Guaíba a pagar dívida em tese indevida.

- Receba mais informações no seu WhatsApp clicando aqui

Durante a operação, foram apreendidas armas de fogo, entre elas uma espingarda de calibre .12, uma pistola .9mm, munições, algemas, soqueira, um veículo utilizado no crime, celulares e dinheiro. A operação foi batizada com o nome Cérbero da mitologia Grega, que alude a um monstruoso cão de três cabeças que guarda as portas do submundo. Isso em razão dos três alvos da operação e também em razão do apelido de um dos alvos.

Conforme informações apuradas pela polícia, os suspeitos estiveram na residência da vítima, diante de testemunhas, deram um prazo para que o candidato efetuasse o pagamento de notas promissórias mediante ameaças de morte. A vítima argumentou aos criminosos que a dívida estava sendo discutida na Justiça e que seria indevida. Vencido o prazo estabelecido pelos criminosos, esses retornaram a casa da vítima e armados, agrediram-na fisicamente, inclusive desferindo coronhadas.

Dois dos investigados tem antecedentes policiais, um por roubo a banco, latrocínio e outros crimes violentos; outro tem antecedentes por posse irregular de arma de fogo e falsificação de documento público. O terceiro investigado que chegou a vangloriar-se do fato nas redes sociais, possui empresa de segurança privada. O uso do contexto da empresa de segurança será apurado detalhadamente pela Polícia Civil.

Deixar um comentário