04/09/2020 09h53 - Atualizado em 04/09/2020 10h01

Irga projeta semeadura de arroz em 969.192 hectares na safra 2020/2021

A projeção aponta para crescimento de 3,5% em relação à área de 936.316 ha colhida na safra
Por: Governo do Estado - Foto: Arquivo / Acústica FM
Irga projeta semeadura de arroz em 969.192 hectares na safra 2020/2021

A intenção dos produtores do Rio Grande do Sul é semear 969.192 hectares (ha) de arroz na safra 2020/2021. O levantamento foi realizado pela Divisão de Assistência Técnica e Extensão Rural (Dater) do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) a partir de informações coletadas com os orizicultores pelas equipes dos Núcleos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Nates)

A projeção aponta para crescimento de 3,5% em relação à área de 936.316 ha colhida na safra 2019/2020. São 32.876 hectares a mais. Ainda de acordo com o levantamento, os municípios com maior intenção de área semeada de arroz são os seguintes:

• Uruguaiana, com 78.500 hectares;

• Santa Vitória do Palmar, 68.436 ha;

• Itaqui, 56.492 ha;

• Alegrete, 54.837 ha.

Leia também:

Com aumento nas vendas de soja e carnes, exportações do agronegócio registram alta no segundo trimestre

PRF prende homem contrabandeando agrotóxicos chineses na BR-290

Em relação à semeadura de soja em rotação com arroz, o levantamento do Irga projeta área de 353.731 ha, aumento de 20.937 ha em relação à safra anterior. Na soja, as intenções por regionais são as seguintes: Zona Sul, com 99.061 ha; Campanha, 86.483 ha; Planície Costeira Interna, 63.981; região Central, 37.797; Fronteira Oeste, 34.565; e Planície Costeira Externa, 31.844 ha.

“Apesar do preço do arroz registrar alta histórica, o arrozeiro está com intenção de área muito parecida com a safra anterior porque entendeu esse recado: para ser eficiente, para ter lucro, precisa ter planejamento e que seja muito bem executado”, afirma o diretor técnico do Irga, engenheiro agrônomo Ivo Mello.

Deixar um comentário