04/07/2020 12h10 - Atualizado em 04/07/2020 12h10

Radialista causa polêmica após sugerir envenenamento de cães de rua

Comentário gerou repúdio da própria emissora e várias críticas
Por: Kevin Oswaldt / Acústica FM Foto: Pixabay
Radialista causa polêmica após sugerir envenenamento de cães de rua

O radialista Paulo Rogério, apresentador da Rádio Independente, de Lajeado, causou uma grande polêmica ao sugerir o envenenamento de cães de rua. A declaração ocorreu durante o programa Acorda Rio Grande, na manhã desta sexta-feira (3).

Na oportunidade, ao ser questionado sobre um imbróglio envolvendo cães de rua, de porte grande, o apresentando disse que “estricnina e um pedaço de carne resolve”. A substância citada pelo radialista é um veneno tóxico, que já foi muito usado pesticida, principalmente para matar ratos, mas também causa efeitos graves a outros animais.

A deputada Regina Becker Fortunati, conhecida pela defesa da causa animal, criticou a fala do radialista: “A manifestação da rede de proteção animal é de tristeza e inconformidade total com esse tipo de postura, porque é a rádio que assume a posição levar esse tipo de assunto ao ar”, declarou a parlamentar.

O Partido Verde do Rio Grande do Sul também lamentou a fala do radialista, através de uma nota: “Lamentável que nos dias de hoje tenhamos que conviver com pessoas com este pensamento e atitudes, pois uma pessoa que verbera um absurdo destes, está incentivando esta criminosa prática”, diz o documento.

A Rádio Independente emitiu uma nota oficial sobre o ocorrido:

"A Rádio Independente vem a público se manifestar sobre um comentário feito por um dos nossos colaboradores na manhã desta sexta-feira (3), relacionado a animais em situação de rua. Deixamos claro que foi uma posição particular do comunicador no momento em que o tema era debatido na nossa programação.

A Rádio Independente faz questão de afirmar que apoia a causa animal e que sempre abriu espaço para organizações que a defende, o que continuará fazendo.

Além disso, através de anúncios feitos em nossos microfones, centenas de animais perdidos foram encontrados e puderam voltar ao convívio com seus tutores. Neste sentido, cestas básicas são doadas pelas pessoas que procuram a emissora para encontrar seus pets. Os alimentos são destinados para famílias carentes.

Medidas internas também estão sendo tomadas para que episódios como este não voltem a acontecer. Lamentamos o ocorrido.

A direção."

Deixar um comentário