12/06/2020 09h43 - Atualizado em 12/06/2020 10h28

Dia mundial contra o trabalho infantil é recordado nesta sexta-feira

Programas sociais de Camaquã auxiliam vítimas de exploração
Por: Valesca Luz / Acústica FM - Foto: Arquivo / Acústica FM
Dia mundial contra o trabalho infantil é recordado nesta sexta-feira

Neste 12 de junho é recordado o Dia Mundial contra o Trabalho Infantil. Em Camaquã, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e com apoio do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), atende diversas crianças no município.

Durante entrevista recente com a coordenadora do Creas, Tielen Garcia, e a psicóloga, Elisete Jacobsen, o programa tem por objetivo de acompanhar as famílias para fortalecer os vínculos familiares que foram quebrados em questão de relação a violação de direitos humanos.

Segundo Elisete, é considerado trabalho infantil quando ocorre a violação dos direitos das crianças, ou seja, quando ela é explorada, impedindo de brincar, estudar, aprender e viver a infância. O maior impasse da equipe é sensibilizar a comunidade: “ainda existe preconceito cultural”, afirma.

O programa atende desde crianças vitimas de trabalho infantil, mulheres vítimas de violência doméstica, idosos e todas as pessoas que sofrem a violação dos direitos.

Confira a entrevista na íntegra:

Deixar um comentário