19/05/2020 17h32 - Atualizado em 20/05/2020 08h52

Decreto da prefeitura de Camaquã define novas regras para rede hoteleira

Após polêmica envolvendo trabalhadores do Piauí, empresas devem avisar vigilância sanitária em caso de hóspedes de outros estados
Por: Kevin Oswaldt / Acústica FM Foto: Arquivo / Acústica FM
Decreto da prefeitura de Camaquã define novas regras para rede hoteleira

A prefeitura de Camaquã anunciou, na tarde desta terça-feira (19), algumas alterações no decreto municipal. Entre as alterações, está uma nova regra para hotéis, pousadas e hostel.

De acordo com o executivo, o objetivo da alteração é alinhar os seus atos ao que dispõe o Decreto Estadual nº 55.240, de 10 de maio de 2020. As outras regras vigentes do município seguem inalteradas, inclusive em relação aos horários de funcionamento dos estabelecimentos.

Segundo a nova legislação, a rede hoteleira é obrigada a informar a equipe da vigilância sanitária nos casos de hospedagem de pessoas de outros estados.

Trabalhadores do Piauí

A medida foi tomada após trabalhadores do Piauí ficaram hospedados durante uma noite em um hotel do município. A estadia causou uma grande polêmica no município. O grupo veio ao Rio Grande do Sul para trabalhar na construção de uma linha de transmissão de energia elétrica.

Confira o decreto na íntegra.

Deixar um comentário