15/05/2020 20h39 - Atualizado em 16/05/2020 18h29

Trabalhadores do Piauí deixam hotel em Camaquã

Grupo estava em isolamento na cidade, após decisão da vigilância em saúde
Por: Gil Martins - Foto: Ouvinte/Acústica FM
Trabalhadores do Piauí deixam hotel em Camaquã

Na noite desta sexta-feira, os trabalhadores que haviam se hospedado na quinta em um hotel de Camaquã, deixaram a cidade em ônibus fretado pela empresa responsável pela contratação. Eles partiram rumo a cidade de Pelotas.

A estadia deles em Camaquã ganhou repercussão, após a vigilância em saúde definir pelo isolamento do local. A prefeitura impôs que os mais de 50 hóspedes, cumprissem quarentena pelo período de 14 dias.

A empresária que administra o hotel,afirmou em entrevista a rádio Acústica, que todas as medidas de precaução haviam sido tomadas. Ela também disse que a empresa já havia reservados os leitos com antecedência, para que as medidas necessárias fossem tomadas.

Já o representante da vigilância em saúde na cidade,Luciano Dias, afirmou que as medidas de isolamento do hotel foram tomadas, para garantir que não houvesse riscos para a população. Também disse que a procuradoria do município, havia enviado um documento para o departamento jurídico da empresa, comunicando que para permanecer na cidade, os trabalhadores precisariam se submeter ao isolamento pelo período de 14 dias, sem nenhum tipo de contato fora das dependências do hotel.

Na noite de hoje, chegou a informação de que a empresa optou por tirar os trabalhadores do hotel. Eles deverão ficar hospedados na cidade de Pelotas.

O grupo foi contratado para trabalhar na construção de uma linha de transmissão de energia elétrica. Alguns dos operários, já atuou em obras semelhantes na região.

Deixar um comentário