30/03/2020 10h04 - Atualizado em 30/03/2020 10h46

Novo decreto permite que comércio de Cristal abra nesta semana

Empresas que abrirem deverão seguir medidas preventivas, podendo ocorrer multas
Por: Valesca Luz / Acústica FM - Foto: Arquivo / Acústica FM
Novo decreto permite que comércio de Cristal abra nesta semana

O comércio da cidade de Cristal volta a funcionar em horário normal nesta segunda-feira (30), conforme publicação do novo decreto 2651. O documento é composto com diversas medidas restritivas para prevenção ao novo conoravírus. A prefeita do município participou ao vivo do Primeira Hora e explicou as medidas.

Conforme Fábia, as liberações estão ocorrendo para recuperar o tempo em que o comércio esteve fechado de acordo com o último decreto, publicado no dia 21. Três equipes de fiscalização irão coordenar as medidas impostas no decreto, podendo aplicar multas: “seremos severos na fiscalização”, afirma. As aulas e o funcionamento da rodoviária continuam suspensas.

O documento permite que cada empresa tenha liberdade de abrir ou manter fechado seu estabelecimento comercial, mas será obrigatório atender os itens do decreto. Também é obrigatório que as pessoas implementem medidas de higiene extrema, conforme orientações técnicas determinadas pelo Ministério da Saúde ou pela Secretaria da Saúde.

Clientes com sintomas gripais estão proibidos de sair de casa e entrar nos estabelecimentos. Os restaurantes, pizzarias, bares e lanchonetes poderão oferecer serviço de almoço aberto ao público, no horário das 12h às 14h, na modalidade prato feito, alaminuta ou marmita, sendo proibido o serviço de Buffet. Os bares para consumo local devem ficar fechados.

Os cultos poderão ocorrer com uma distância de dois metros cada, sendo proibido abraços e contatos físicos. A Brigada Militar irá ajudar na fiscalização no município. Segundo a prefeita, os catadores de lixo terão equipamentos de proteção individual e deverá recolher o material antes das 8h.

Os estabelecimentos comerciais e industriais devem adotar sistemas de escalas, de revezamento de turnos e alterações de jornadas, para reduzir fluxos, contatos e aglomerações de trabalhadores. As providências necessárias ao cumprimento das diretrizes sanitárias de distanciamento interpessoal de dois metros, observadas as demais recomendações técnicas determinadas pelo Ministério da Saúde ou pela Secretaria da Saúde.

Deixar um comentário