25/03/2020 16h17 - Atualizado em 26/03/2020 08h25

Camaquã descarta três casos suspeitos de coronavírus

Município segue sem casos confirmados, já que paciente confirmada ontem foi atribuída a Cerro Grande do Sul
Por: Kevin Oswaldt / Acústica FM Foto: Júlio Santos / Prefeitura de Camaquã
Camaquã descarta três casos suspeitos de coronavírus

Camaquã descartou mais três casos suspeitos de coronavírus. A informação foi concedida à reportagem da Rádio Acústica FM, na tarde desta quarta-feira (25), na prefeitura de Camaquã.

A prefeitura entende que Camaquã segue sem nenhum caso confirmado de coronavírus, já que atribui a Cerro Grande do Sul o caso confirmado nesta terça-feira. No Informe Epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde, a paciente de 58 anos foi alterada para Cerro Grande do Sul.

Na ocasião, o prefeito Ivo Ferreira, o secretário da saúde, Luciano Dias, e a secretária da Fazenda, Jane Beatriz do Couto Leite, falaram sobre as ações de prevenção e combate ao coronavírus, que são realizadas em Camaquã. De acordo com Dias, ao todo dez casos já foram descartados e ainda faltam quatro exames para serem divulgados. 

Acompanhe ao vivo:

Decreto

Através do decreto 23.287, de 23 de março de 2020, a prefeitura de Camaquã adotou medidas mais rígidas para conter o avanço do coronavírus. Entre as decisões, está a restrição do horário de supermercados, padarias, mercados, minimercados, açougues, mercearias e peixarias.

Os estabelecimentos podem abrir somente entre 7h e 18h de segunda a sexta-feira, e nos sábados entre 7h e 12h. O decreto também estabeleceu que o horário entre 7h30 e 9h30 é exclusivo para atendimento de idosos. Nos demais horários, a entrada de idosos é proibida.

O decreto também fecha o atendimento presencial de restaurantes e lancherias no município. Neste caso, fica permitido apenas o funcionamento dos estabelecimentos através de delivery.

O decreto também fecha as indústrias que não atuam nos ramos alimentício e farmacêutico. Outra medida diz respeito aos comércios que trabalham com produtos de limpeza e higienização; e o setor de telecomunicação, que podem funcionar. O novo decreto também impede o funcionamento do estacionamento rotativo.

O que é coronavírus? (COVID-19)

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Provoca a doença chamada de coronavírus (COVID-19).

Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Saiba como prevenir o contágio do coronavírus

O Ministério da Saúde pontua cinco medidas que auxiliam na prevenção do contágio do novo coronavírus.

- Lavar bem as mãos com água e sabão e usar álcool gel

- Cobrir o nariz e a boca ao espirrar ou tossir

- Evitar aglomerações se estiver doente

- Manter os ambientes bem ventilados

- Não compartilhar objetos pessoais

Deixar um comentário