18/07/2019 15h19 - Atualizado em 18/07/2019 16h36

Exército deve entregar duplicação da BR-116 antes do prazo previsto

General declarou que os militares “não tem hora extra e nem final de semana”
Por: Kevin Oswaldt / Acústica FM Foto: Arquivo / Rodrigo Vicente / Acústica FM
Exército deve entregar duplicação da BR-116 antes do prazo previsto

O Exército deve entregar, antes do prazo previsto, a duplicação de 50 quilômetros da BR-116, entre Guaíba e Tapes. A informação foi concedida pelo chefe do Comando Militar do Sul, general Geraldo Antônio Miotto, em entrevista ao programa Gaúcha Atualidade, da Rádio Gaúcha.

O 1º Batalhão Ferroviário do Exército Brasileiro está trabalhando com 180 homens nas obras de duplicação da BR-116. O trabalho intenso no local anima Miotto, que acredita que os primeiros trechos começarão a ser liberados a partir de 2020. O contrato vai até fevereiro de 2022, mas os militares pretendem entregar antes as obras.

O general destacou que o Exército trabalha no local com o objetivo de proporcionar segurança para as pessoas. Miotto ressaltou que os militares não tem hora extra e nem final de semana, o que acelera as obras na BR-116.

Os trabalhos que iniciaram no início do ano completaram seis meses no dia 7 de julho. As obras começaram com 84 militares. Atualmente, ocorrem trabalhos de terraplenagem e o lançamento da primeira camada de asfalto.

Através de contrato firmado com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), o Exército assumiu as obras que eram de responsabilidade da construtora Constran, que entrou em recuperação judicial e teve seu contrato rescindido.

Deixar um comentário