11/10/2018 11h37 - Atualizado em 11/10/2018 11h37

Inter tem um problema maior do que as ausências de Rodrigo Moledo e Leandro Damião

Odair Hellmann ainda não sabe se terá Rodrigo Dourado, lesionado, a disposição
Por: Cléber Grabauska/Gaúcha ZH - Foto: Ricardo Duarte/Inter
Inter tem um problema maior do que as ausências de Rodrigo Moledo e Leandro Damião

Rodrigo Moledo, ainda em recuperação, está fora do jogo contra o São Paulo, domingo (14), no Beira-Rio. Leandro Damião ainda é dúvida. Mas o grande problema do Inter passa a ser Rodrigo Dourado. O volante saiu do treino da quarta-feira (10) sentindo dores no pé direito e sua presença ainda é incerta.

A ausência de Moledo será compensada com o retorno de Victor Cuesta, que poderá dar um bom suporte a Emerson Santos. Caso Damião não possa jogar, Odair fará uma mexida no ataque para que D’Alessandro seja aproveitado. Porém, se Dourado não tiver condições, então Odair terá uma grande dor de cabeça.

Gabriel Dias, a primeira opção de substituição, está lesionado. Charles, sem ritmo de jogo, entrou mal contra o Sport e comprometeu. E fora isso, Odair precisará encontrar uma solução inédita ou então formar uma linha de volantes com Edenilson e Patrick, algo que já foi testado contra o America-MG e não funcionou.

E por mais criativo que Odair seja, a sua solução não conseguirá suprir a ausência de Dourado, peça-chave no sistema defensivo do Inter. Por enquanto, a melhor coisa a fazer é torcer para o volante se recuperar.

Deixar um comentário