14/09/2018 08h29 - Atualizado em 14/09/2018 08h29

Pesquisa Ibope mostra liderança de Bolsonaro no Rio Grande do Sul

Empate técnico entre Haddad, Ciro, Alckmin e Marina no estado
Por: GaúchaZH Foto: Gil Martins/Acústica FM
Pesquisa Ibope mostra liderança de Bolsonaro no Rio Grande do Sul

O candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, avançou três pontos percentuais entre as intenções de votos dos eleitores do Rio Grande do Sul. Pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira (14) mostra Bolsonaro com 29%. Fernando Haddad (PT) passou de 9% para 11% no levantamento, realizado no período em que foi oficializado como representante do partido em substituição ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Ciro Gomes (PDT) subiu para 10%, mesmo percentual alcançado por Geraldo Alckmin (PSDB) após alta de quatro pontos. Marina Silva (Rede) permaneceu com 8%. Haddad, Ciro, Alckmin e Marina estão tecnicamente empatados na margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa, realizada entre os dias 10 e 12 de setembro, entrevistou 1.204 eleitores. O nível de confiança é de 95% - isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral. O levantamento foi contratado pela RBS Participações S.A e registrado no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo RS-04827/2018.

Estimulada

Se a eleição para presidente da República fosse hoje e os candidatos fossem estes, em quem o(a) senhor(a) votaria?

Jair Bolsonaro (PSL) – 29%

Fernando Haddad (PT) – 11%

Ciro Gomes (PDT) – 10%

Geraldo Alckmin (PSDB) – 10%

Marina Silva (Rede) – 8%

Henrique Meirelles (MDB) – 3%

João Amoêdo (Novo) – 2%

Alvaro Dias (Podemos) – 2%

João Goulart Filho (PPL) – 1%

Vera Lúcia (PSTU) – 1%

Cabo Daciolo (Patriota) – 0%

Guilherme Boulos (PSOL) – 0%

José Maria Eymael (DC) – 0%

Branco/Nulo – 11%

Não sabe/Não respondeu – 11%

Espontânea

Jair Bolsonaro (PSL) – 25%

Lula (PT) - 8%

Ciro Gomes (PDT) – 6%

Fernando Haddad (PT) - 5%

Geraldo Alckmin (PSDB) – 4%

Marina Silva (Rede) – 2%

Henrique Meirelles (MDB) – 1%

João Amoêdo (Novo) – 1%

Guilherme Boulos (PSOL) – 0%

Vera Lúcia (PSTU) - 0%

José Maria Eymael (DC) – 0%

Cabo Daciolo (Patriotas) e João Goulart Filho (PPL) - não foram citados

Branco/Nulo – 11%

Não sabe/Não respondeu – 32%

Deixar um comentário