Search
Camaquã
25°C
Camaquã
25°C
Economia

Leilão para concessão do Cais Mauá será realizado nesta terça-feira

Certame ocorre na Bolsa de Valores de São Paulo a Partir das 10h
Alex Rocha/ PMPA
Alex Rocha/ PMPA

O leilão para concessão do Cais Mauá, um dos símbolos de Porto Alegre,  será realizado na B3, em São Paulo, nesta terça-feira, às 10h, com a presença do governador Eduardo Leite.  

Com investimentos previstos de R$ 353,3 milhões para a ampla revitalização e qualificação do local, O período da concessão do Cais Mauá à iniciativa privada será de 30 anos. Segundo o Piratini, O trecho concedido vai da Usina do Gasômetro até a Estação Rodoviária de Porto Alegre, com extensão de três quilômetros e área de 181,2 mil metros quadrados. 

O vencedor da licitação terá o compromisso de reestruturar o patrimônio histórico (armazéns tombados e pórtico central) e revitalizar as docas nos cinco primeiros anos de concessão  . Ao todo, são 12 armazéns e três docas, as quais poderão ser utilizadas para edificações de uso residencial ou corporativo. 

A livre circulação para as pessoas está garantida e será proibida a cobrança de ingresso para acessar o cais a pé. Outros detalhes serão apresentados após o leilão.

Na semana passada, o governo do Rio Grande do Sul confirmou o recebimento de apenas uma proposta para o projeto de concessão do Cais Mauá à iniciativa privada. 

A oferta foi feita em conjunto pelo Consórcio Pulsa RS e pela Spar Participações e Desenvolvimento Imobiliário LTDA

O projeto de concessão foi elaborado pela Secretaria de Parcerias e Concessões em conjunto com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). 

Já o processo licitatório é conduzido pela B3 e pela Central de Licitações (Celic), vinculada à Secretaria de Planejamento e Gestão.

O edital prevê a retirada parcial do muro da Mauá e a implementação de um projeto para contenção de cheias com a instalação de barreiras fixas e removíveis. A nova solução terá de ser aprovada pelos órgãos competentes. Com o aval obtido, poderá ser iniciada a construção da nova barreira. 

Em dezembro de 2022, o Piratini tentou realizar a concessão do Cais Mauá pela primeira vez. O certame não teve interessados e, desde então, o edital teve alguns itens reformulados.