Incêndio em Camaquã

Homem acusa ex-mulher e o filho dela de incendiar casa em Camaquã

Por pouco as chamas não se alastraram para a casa de uma vizinha idosa e deficiente
Por: Gil Martins
Publicado em: 14/01/2022 às 10h47
Atualizado em: 15/01/2022 às 16h17
Homem acusa ex-mulher e o filho dela de incendiar casa em Camaquã Proprietário da casa afirma que incêndio foi criminoso. Foto: Reportagem/Acústica FM

Uma residência foi parcialmente consumida pelas chamas na noite desta quinta-feira (13) em Camaquã. O sinistro destruiu um imóvel localizado no bairro São Pedro.

- Siga a Acústica no Google notícias tocando aqui

O proprietário da casa registrou ocorrência na Delegacia de Polícia de Camaquã, alegando que o sinistro foi criminoso. Ele afirma que sua ex-mulher e o filho dela depredaram e colocaram fogo no imóvel.

- Receba todas as notícias da Acústica no seu WhatsApp tocando aqui!

Ao procurar a equipe de jornalismo da Rádio Acústica FM, ele alega que ambos estão separados há cerca de oito anos. Segundo ele, a motivação para o crime seria um processo judicial movido por ele, para que ela desocupasse uma outra casa que é de propriedade dele.

- Toque aqui e confira nossas reportagens e os programas da Acústica em nosso canal no YouTube

Em registro policial, o homem comunicou que antes de atearem fogo na casa, ambos quebraram portas, janelas e o telhado da parte em alvenaria. Já a parte em madeira da casa, ficou destruída pelo fogo.

O homem também alega que por pouco as chamas não se alastraram para a casa de uma vizinha idosa e deficiente. Ele já arrolou testemunhas sobre o fato e também já solicitou a instauração de um procedimento policial sobre o caso.

Ninguém ficou ferido na ação.