Camaquã
17°C
Camaquã
17°C
COP10

Heitor Schuch acredita que embaixador apresentará demandas de fumicultores durante convenção

Comitiva barrada durante credenciamento segue em busca de diálogo sobre o futuro do tabaco
Foto: Fábio Renner/Acústica FM
Foto: Fábio Renner/Acústica FM

O Deputado Federal gaúcho Heitor Schuch (PSB), esteve entre os membros da comitiva brasileira que não conseguiu acesso ao credenciamento para acesso à 10ª Conferência das Partes (COP-10) da Convenção-Quadro para Controle do Tabaco no Panamá. Ao todo, dois deputados federais, quatro estaduais do Rio Grande do Sul e um catarinense, fazem parte da delegação.

Receba todas as notícias da Acústica no seu WhatsApp clicando aqui!

Para Schuch, foi de grande importância a presença deles durante jantar pelo embaixador do Brasil no Panamá, Carlos Henrique Moojen de Abreu e Silva. O encontro ocorreu na noite desta segunda-feira (05).

Durante o jantar, o grupo de brasileiros demonstrou a sua contrariedade e insatisfação pela forma como foram tratados no evento. Eles afirmam que foram barrados pelos organizadores, quando tentavam formalizar os seus credenciamentos para ter acesso ao evento e assim expor suas ideias.

“O embaixador é o representante oficial do governo brasileiro dentro da conferência”, disse Schuch ao destacar a importância de ter exposto o problema ao diplomata brasileiro.

O Deputado afirma que o encontro serviu para que fosse apresentado ao embaixador, a importância da fumicultura e que isso possa servir de base para os argumentos brasileiros frente ao tema.

“Foi importantíssimo expor pra ele, todas as nuances a cultura e a importância que ela tem ao sul do Brasil e isso certamente vai se refletir na fala dele durante a conferência”, acredita Schuch.

Como promessa, o grupo recebeu a informação de que diariamente receberão informações atualizadas sobre o andamento dos trabalhos e a posição do governo brasileiro em relação aos diversos artigos da Convenção.

Tags: Agro, Cop10, Fumicultura, Rio Grande do Sul, Tabaco