Blogs

Publicado em 11/10/2019

Afinal, essência não morre!

Por: Simone Cortez

Uma coisa é fato! Todos nós passamos inevitavelmente por uma fase em comum: a

infância. Dizemos que os pequenos de hoje, são nosso amanhã, assim como fomos o futuro

de nossos avós anos atrás! E como está o presente deles? Fizemos bem nosso papel?

Acredito que não como queremos o nosso futuro daqui mais um tempo.

Antes de saber os deveres e as responsabilidades das crianças é preciso educá-las de uma

forma que não percam a essência do perdão, que para elas é tão fácil. A criança nos ensina

muito mais que nós a ela, nossos ensinamentos muitas vezes são baseados em medos e

preocupações adquiridas, que inconscientemente, lá estamos nós repassando isso tudo a

um ser cheio de possibilidades.

Ser feliz com pouco é uma das maiores qualidades de uma criança. Ser criança é fazer

amigos, antes mesmo de saber o nome deles; é ter o dia mais feliz da vida, todos os dias.

Ser criança é correr até acabar o fôlego, rolar no chão sem medo de se sujar e fazer de

qualquer coisa uma brincadeira; ser criança é ser sincero, o que nunca deveríamos deixar

se perder.

O dia especial está aí, e nos cabe uma reflexão para valorizar a vitalidade e a alma infantil,

pois vale resgatar no nosso íntimo a essência da criança e o poder de confiar nos nossos

sonhos. Feliz dia da criança para nossos pequenos, mas para os grandes que buscam esse

"fio colorido" nos seus dias, com todas crenças limitantes já instaladas ao longo da vida,

mais ainda meus sinceros parabéns!

Afinal, essência não morre! É o desafio não de voltar no tempo, mas sim resgatar a pureza

da alma!

#dilemasdomundomoderno

Por Simone Cortez

Deixar um comentário