Blogs

Publicado em 15/03/2019

Quais as piores dores do homem?

Por: Simone Cortez - Foto: Divulgação

As dores do mundo nos cercam de todos os lados, o corpo pede trégua, a alma carrega a culpa e a mente adoece o físico. Poderia enumerar a culpa como uma das maiores dores espirituais, mas a culpa pode ser reconhecida e trabalhada por aquele que tenta o livramento e há a grande chance de transformá-la em algo bom, através de atitudes enobrecedoras até fazer cessá-la.

A expectativa em sentido amplo é a que mais massacra, o mínimo que se espera do outro com brilho nos olhos, não por aquilo de bom que fizemos, mas por acreditar que somos amados ou aceitos naquele contexto, porém, infelizmente, não podemos esperar nada do mundo lá fora, a ingratidão e as injustiças estão por todos os lados e, às vezes, nós mesmos nos tratamos como se não nos amássemos. Sim, nos tratamos. Avalie profundamente se você se ama, se você se cuida, se você é capaz de assumir suas responsabilidades sem culpar os outros por amarguras ou insucessos.

Você sabe ser amado ou reconhecer o sentimento alheio por você? O amor ameniza as dores. Ninguém é sozinho no mundo, e nada do que nos é ofertado é em vão, quem se volta para o outro verdadeiramente é para praticar o amor e não somente para lhe servir de apoio. Às vezes esse carinho chega torto, descompassado, mas genuíno e cristalino. E é isso que importa. Esqueça registros errados de uma vida inteira que alimentou, para fazer a leitura correta do que te cerca e o que te prejudica realmente.

Limpe sua alma, Identifique e valorize atitudes, não descarte um filho de Deus que lhe oferta seus bens mais preciosos: energia, amor e tempo. Tente ampliar sua visão de mundo, superar a visão limitada trazida em sua bagagem para poder, finalmente, enxergar o todo. Você pode se surpreender ao descobrir que as dores da alma, do corpo, ou da mente é sua opção. Humildade e gratidão, palavras do momento. Grata pelo tempo alheio, meu muito obrigada a todos.

 

Deixar um comentário