Blogs

Publicado em 30/11/2018

O que você espera?

Por: Simone Cortez - Foto: Divulgação

Confundimos qualidade de vida com felicidade e sinceramente é da qualidade de vida que provém a felicidade, porém mesmo sem qualidade de vida alguma, estamos lá a esperar pelo grande DIA FELIZ! Você espera? Espera por respostas que não existem? Por expectativas que nunca se realizam e geram uma insatisfação pessoal atrás da outra? Veja que são nessas horas que abrimos as portas para as doenças do século: a depressão, o stress, a ansiedade hipertensão e tantas outras. Ainda nos falta maturidade para construir nossa qualidade sem esperar que o grande dia caia do céu. O Ministério da Saúde já aponta que as doenças associadas ao estilo de vida e insatisfações emocionais matam mais que o trânsito e a violência.

Não rotule a qualidade de vida jogando a culpa no mundo, na política ou em questões financeiras, embora influenciem nas oportunidades, não devemos condicionar a felicidade somente quando a situação financeira melhorar; enquanto ela não se estabiliza, viva! Você paga para meditar? Para fazer exercícios físicos ao ar livre? Brincar com seu cachorro ou gato? Tomar o bom chimarrão com os amigos? Seja mais otimista, aceite sua vida e reze antes de dormir, pois custa sim, minutos do seu dia! Ser grato é o ponto de partida para qualidade de vida e uma vida feliz, aprecie as coisas simples.

Conheço muitos ‘bolsos forrados’ por aí, que ainda procuram suas respostas interiores em “coisas”, que sentam nos melhores postos profissionais, que se banham nos “shoppings”, que têm tudo e se sentem com nada, são INCAPAZES de rolarem na grama dos parques, se lambuzarem de sorvete, comerem pizza com a mão, dançar funk, cantar sofrência. Imagine você dançando Punk Rock? Grande coisa, gente.

Aprenda os valores da qualidade de vida e lá verá a verdadeira felicidade, porque a graça não está nos lugares por onde passamos, ou na vida do outro que passa no Instagram e sim, dentro de cada um de nós.

#dilemasdomundomoderno

Por Simone Cortez

 

Deixar um comentário