11/06/2018 15h10 - Atualizado em 11/06/2018 15h10

Policiais militares são presos em operação que investiga suposta ligação com facções criminosas no RS

São cumpridos 27 mandados de prisão e busca e apreensão nesta segunda-feira (11).
Por: G1 - Foto: Valério Weege/Acústica FM
Policiais militares são presos em operação que investiga suposta ligação com facções criminosas no RS

A Corregedoria da Brigada Militar cumpre 27 mandados de prisão e busca e apreensão no Rio Grande do Sul nesta segunda-feira (11). A operação, realizada em parceria com o Ministério Público, investiga policiais militares suspeitos de terem ligação com facções criminosas. Até as 10h, oito pessoas haviam sido presas, das quais seis PMs. De acordo com o corregedor-geral da Brigada Militar, coronel Carlos Armindo Thomé Marques, a operação visa coibir a conduta criminosa de policiais militares que se associaram a membros de facções criminosas.

"Estamos investigando internamente essas pessoas e fazendo aquilo que é devido por lei", afirma o coronel, que não divulgou os nomes dos presos. A investigação apura os crimes de organização criminosa, tráfico de drogas e armas, corrupção, peculato e lavagem de dinheiro. Por envolver civis e policiais militares, as medidas judiciais foram deferidas tanto pela Justiça Militar como pela Justiça Comum.

Durante o cumprimento dos mandados, foram apreendidas diversas armas, munições, drogas e dinheiro, nas cidades de Porto Alegre, Gravataí, Canoas, Santa Maria, Nova Petrópolis, Cachoeira do Sul e Guaíba. O material apreendido será analisado e os presos, interrogados. Como ainda não terminou, a investigação está sob sigilo.

Deixar um comentário