20/04/2017 14h31 - Atualizado em 20/04/2017 11h40

Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul

Empreendimento divide opiniões. Reunião foi marcada por tensão e protestos.
Por: Natália Satler - Fotos: Fábio Renner
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul

A Assembleia Legislativa foi palco de mais uma audiência para tratar sobre o projeto Caçapava do Sul, nesta quarta-feira (19). Após intensas discussões, a Comissão de Saúde e Meio Ambiente propôs a criação de um grupo de trabalho para seguir acompanhando o empreendimento, firmado entre a Votorantim Metais e a Mineração Iamgold Brasil.

A Votorantim visa instalar um complexo de mineração em Caçapava do Sul, distrito de Minas do Camaquã. A ideia é alcançar uma produção de 36 mil toneladas de chumbo contido, 16 mil toneladas de zinco contido e cinco mil toneladas de cobre contido, além de uma pequena quantidade de prata.

A Rádio Acústica FM esteve presente no encontro, sugerido pelo deputado Luiz Fernando Mainarti (PT), que contou com cerca de 20 deputados, prefeitos, agricultores, empresários, pesquisadores e ambientalistas do Estado. Os vereadores Ilson Meirelles (PP), Ivana de Paula (PSD) e Luciano Delfini (PSDB) também acompanharam a audiência.

De um lado, apoiadores do projeto, alegando que este deve impulsionar a economia e a empregabilidade na região; de outro, manifestantes contrários, em defesa do meio ambiente e da atual matriz econômico-social.

Um dos fatos que causou estranhamento foi a ausência de Ana Pellini, presidente da Fundação Estadual de Proteção ao Meio Ambiente (Fepam). "Talvez a Fepam já tenha uma posição sobre o tema, já que é um órgão permeável às orientações políticas", afirma Altemir Tortelli (PT), presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente.

Em meio a várias contestações, Paul Cezzani, líder do projeto, foi indagado sobre a transparência do empreendimento: “Todo material sobre o projeto Caçapava do Sul está disponível em nosso site, em fácil acesso”. Para Cezzani, o objetivo das audiências é estabelecer diálogo: “cada encontro é uma oportunidade de divulgar as informações de forma correta, e, assim, fazer com que elas sejam distribuídas para o maior público possível”.

Segundo a Votorantim, o projeto não terá barragens de água e rejeitos, não apresentando riscos ambientais semelhantes ao caso do rompimento da barragem de Mariana, ocorrido em Minas Gerais. A empresa acrescenta que o Rio Grande do Sul será pioneiro neste empreendimento, que deve instalar pilhas projetadas para interagir com a topografia local.

Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul
Assembleia Legislativa realiza audiência sobre projeto Caçapava do Sul

Deixar um comentário